Páginas

terça-feira, 22 de março de 2016

{RESENHA} O Caso do Hotel Bertram - Agatha Christie

O Hotel Bertram fica em uma tranquila rua de Londres e existe há muito tempo. Passou por uma boa reforma após o fim da guerra e mesmo suas instalações sendo modestas é um local confortável e caro para se hospedar. Desde sempre, é frequentado pelos mais altos escalões do clero, por duquesas, por barões, sendo muitos destes, aristocratas falidos.

Foto: Lu Garcia

Quando Miss Marple decide hospedar-se no Bertram, seu objetivo é apenas reviver os bons momentos que passou lá em sua juventude. No entanto, a velha senhora simpática de St. Mary Mead acaba envolvendo-se em uma rede de intrigas, crimes e roubos misteriosos que podem manchar a reputação do renomado hotel.

Site Oficial da autora aqui.

Minha Percepção - Esse foi o primeiro livro com Miss Marple que li! Ela é uma das personagens mais importantes criadas por Agatha Christie como o famoso detetive Hercule Poirot e o casal Tommy e Tuppence Beresford. Não canso de repetir que Agatha é uma das minhas escritoras favoritas, e com razão, pois mais uma vez ela deixa impresso seu brilhantismo e competência nesta obra.

É incrível o modo como ela apresenta cada personagem ao leitor, a tranquilidade em defini-los aos poucos de modo que consigamos enxergar parte da essência de cada um deles. Os mistérios vão aumentando e diminuindo com o passar das páginas, como, a falta de cuidado e atenção do Cônego que acaba se confundindo e vendo o que não devia, seu posterior sumiço repentino, as trocas de placas feitas a todo momento, um famoso piloto de corridas estilo "bad boy", uma jovem aristocrata próxima de receber uma bela herança, uma mulher conhecida no país todo por suas façanhas, e claro, a esperta e sempre observadora Miss Marple.

Mentalmente me perguntava qual era a relação de todos esses fatos com o magnifico Bertram... Você também ficaria boquiaberto!